Archive for the ‘ Multimédia ’ Category

Brevemente – 4ºedição – Ainda vais a tempo!

A Semana Cultural da Universidade de Coimbra, este ano na sua XVI edição, tem como mote REDES, “Redes em que nos movimentamos ou que nos circundam – de trabalho, sociais, de solidariedade, familiares, dos afetos, do ecossistema, do universo, de transportes, da música, redes de investigação, redes científicas”. O Design e o Multimédia irão ter um papel importante nestas Redes, à semelhança das últimas edições do Brevemente da semana cultural da universidade de Coimbra. Este ano a Universidade de Coimbra realiza, durante semana cultural da universidade de Coimbra,  a quarta edição do Brevemente – Concurso Universitário Internacional de Design e Multimédia, destinado a todos os estudantes de expressão Portuguesa. Nos anos anteriores conseguiram estimular e premiar a criatividade no meio académico, promovendo trabalhos oriundos de várias partes do mundo Lusófono, que de outra forma teriam apenas espaço dentro das portas das Universidades e dos Institutos Politécnicos.

poster-final-1-page-001

Como júri terão Alice Geirinhas, Clara Almeida Santos, Lizá Ramalho, Luís Moreira e José Bártolo. Em comum, todos são reconhecidos especialistas na área do design ou da comunicação.

Agora tens até ao dia 8 de Abril para entregar a tua submissão de trabalhos. De que estás à espera?

Inscreve-te, aqui!
Podes também consultar o regulamento e tirar algumas duvidas.
Para mais informações visite o site do Brevemente – 4º Edição, relativo à semana cultural da universidade de Coimbra.

Adobe Photoshop CS6

Dentro do pack do Adobe CS6 pode encontrar os mesmos programas mas muito mais desenvolvidos. Pode encontrar o Adobe Photoshop CS6, com novas ferramentas e com mais criatividade pode ter melhores produtos, devido a facilidade e a rapidez do novo Photoshop CS6.

Adobe Photoshop CS6
Adobe Photoshop CS6

Abaixo seguem as principais funções que melhoraram no Photoshop CS6. Veja se compensa ou não para si, fazer a atualização de versão.

-Correção sensível a conteúdo (Pode corrigir imagens com mais controle, e selecionar a área que quer usar para corrigir)

- Ferramentas de design novas e reformuladas (Pode obter uma formatação melhor com as camada vetoriais adicionando gradientes e objetos vetoriais)

- Nova galeria de desfoques (Pode desfocar fotografias ou criar efeitos de inclinação e criar um ponto focal com nitidez)

- Ferramenta Cortar aprimorada (Pode cortar as imagens sem as destruir)

- Interface do usuário moderno (Pode criar planos de fundo escuros que destacam as suas imagens e pode criar uma experiência de edição mais suave e consistente)

- Migração e compartilhamento de predefinições (Pode importar todos os seus trabalhos que tiver de programas mais antigos para o novo Photoshop CS6)

- Criação intuitiva de vídeos (Pode editar qualquer clipe de vídeo usando as ferramentas familiares do Photoshop)

- Grande angular adaptável (Pode corrigir com mais facilidade objetos curvados ou fotos com lentes de olho de peixe e grande angular)

- Armazenamento em segundo plano (Pode trabalhar enquanto guarda um grande trabalho, tem um maior desempenho que ajuda mais rapidamente na sua produtividade)

- Correções automáticas aprimoradas (Pode melhorar mais rápido as suas imagens com os controles Curvas automáticas, Níveis e Brilho/contraste)

Com todas estas funções poderá realizar melhores trabalhos e com melhor qualidade.

Não deixe de visitar a página da Adobe em Português para fazer a sua aquisição. Agora tem a possibilidade de adquirir uma versão em nuvem, que lhe sai muito mais em conta… :)

Nikon: Aplicativos grátis

Hoje quero-vos apresentar três aplicativos (se bem que um deles não consegui testar) gratuitos que são imensamente úteis quando pretendemos fazer fotografia de estúdio. Antes de mais, não existe de momento melhor aplicativo para fotografia de estúdio que o Camera Control Pro 2. Este aplicativo permite-nos obter o controlo remoto das definições da maior parte das câmaras DSLR da Nikon. A ligação entre o computador e a câmara pode ser feita com um cabo USB ou através de uma rede LAN, com ou sem fios. O  Camera Control Pro 2 suporta as funcionalidades habituais e avançadas da câmara, incluindo LiveView, sistema de Controlo de Imagem e Viewer, que permitem conjuntamente a pré-visualização e selecção de imagens antes da transferência para um computador. O único senão deste aplicativo, se assim se puder afirmar, é que o mesmo é pago, se bem que, importa salientar, dadas as características e possibilidades do Camera Control Pro 2, acho que o seu custo de cerca de 135€, até não é nada de extraordinário quando queremos obter bons resultados nos nossos trabalhos fotográficos.

Camera Control Pro 2

Camera Control Pro 2

Mas a verdade é que o título que escolhi para este artigo foi aplicativos grátis, por isso vamos lá debruçar-mo-nos um pouquinho sobre eles. Read more

A nuvem da Adobe

A Adobe Creative prevê lançar muito em breve um serviço em nuvem, serviço esse que lhe dará acesso às últimas versões do Adobe Creative Suite, bem como uma infinidade de extras a serem utilizados neste novo serviço prestado pela Adobe e baseado na tecnologia vulgarmente apelidada de de nuvem. Este serviço prevê uma mensalidade de cerca de 40 € / mês, por um período não inferior a 12 meses.

Este conceito de serviço em nuvem foi introduzido no passado mês de Outubro na conferência anual da Adobe MAX. Podem ver diversas fotografias do evento na página oficial no flickr. A Adobe garante, a quem usufruir deste serviço, acesso às últimas versões do Software Creative Suite, entre outras aplicações, bem como 20 Gb de espaço para armazenamento na web, com opções de sincronismo. No entanto, a empresa ainda não referiu, se os 40€ / mês cobrem ou não todas estas possibilidades.

adobe creative cloud: A nuvem chegou à Adobe

adobe creative cloud: A nuvem chegou à Adobe

Já agora, se porventura acha que 50€ / mês, ou seja… cerca de 600€ / ano é muito, então pondere a alternativa (não, não é a de software pirata) e analise quanto custa o  pacote mais baixo da família Creative Suite: qualquer coisa como 1.000€, e isto, apenas a versão base.

Para mim, uns dos argumentos mais válidos para a aquisição deste tipo de licença é o facto de poder obter as últimas actualizações de forma ‘gratuita’ e, inclusive, antes de chegar ao restante público comercial. Em termos empresariais, julgo ser uma alterantiva bastante atractiva, uma vez que isto passará a ser um custo fixo, relativamente baixo, ao invés de um custo variável, por vezes excessivamente alto. Além disso, com isto, a Adobe pretende arrecadar a si alguns piratas perdidos que ao invés de adquirirem o seu software, o descarregam através de páginas de partilha. A verdade é uma só… 40€  por mês, é algo que já alguns estudantes (por exemplo) já conseguem suportar, agora… mil euritos, bem isso, já não se encontra facilmente debaixo da árvore das patacas.

A ideia, é que este projeto veja a luz do dia na mesma ocasião que o Creative Suite 6, o que prevemos que seja ainda no decorrer deste primeiro semestre de 2012.

Fantasporto 2012 recebe ante-estreia mundial de “A Moral Conjugal”

O Fantasporto 2012 vai contar com 27 países representados, o maior número de sempre, e vai acolher a ante-estreia mundial de “A Moral Conjugal” de Artur Serra Araújo.

Depois do anúncio de “Shame”, de Steve McQueen, como filme da abertura oficial do festival a 24 de Fevereiro e de “This must be the Place”, de Paolo Sorrentino, no encerramento, foi hoje  revelado que a competição da Semana dos Realizadores vai incluir obras como “Avé” de Konstantin Bojanov, prémio FIPRESCI em Varsóvia e nomeado para a Camera d’Or do festival de Cannes em 2011.

Outros nomes da Semana dos Realizadores, para além de McQueen e Serra Araújo, incluem Wojciech Smarzowski, com o filme “Rose”, Hagar Ben Asher – com “The Slut” -, vencedora do prémio de melhor realizador no festival de Jerusalém em 2011, mas também Quinn Saunders, que apresenta a sua primeira longa-metragem, “Cherry”.

“Immaturi” de Paolo Genovese, “Guilty of Romance” de Shion Sono, “Lena” assinado por Christophe van Rompaey, “Hotel Lux” de Leander Haussmann, “El Artifício” de José Enrique March e “Almanya” de Yasemin Samdereli compõem o resto da secção.

Entretanto, a categoria de Cinema Fantástico do festival, que decorre de 20 de Fevereiro a 4 de Março, vai assistir a alguns dos destaques do cinema mundial da actualidade, incluindo o britânico “Attack the Block”, sobre um grupo de jovens de um bairro de Londres que é alvo de uma invasão alienígena.

Nessa secção, como foi divulgado na página de Facebook do festival, entre os restantes nomes em destaque encontram-se “Bellflower”, de Evan Godell, o mais recente trabalho de Guy Maddin, “Keyhole”, e também o espanhol “Eva”, de Kike Maíllo, que foi esta quarta-feira seleccionado para 12 Goyas no país vizinho.

Visualize gratuitamente as suas fotografias

Torna-se cada vez mais imperioso nos dias de hoje estar dentro da legalidade e, com tanta oferta de aplicações gratuitas seria uma asneira não o fazer.

Assim, hoje lembrei-me de publicar aqui um pequeno apontamento acerca de três excelentes  aplicações para visualização de fotografias. Afinal, com a explosão de equipamentos capazes de captar imagens digitais, torna-se necessário uma aplicação capaz de responder às necessidades prementes de cada usuário. Pelo menos para mim, o visualizador de imagens do próprio sistema operativo não me servem e são extremamente limitados.

FastStone Image Viewer

O FastStone Image Viewer é um excelente visualizador de imagens, mas é também muito mais que isso. Acima de tudo é grátis e em Português. Como disse, o FastStone Image Viewer é mais que um simples visualizador de imagens, uma vez que traz algumas ferramentas capazes de aprimorar essas mesmas imagens e criar apresentações de slides. Com o FastStone Image Viewer, dispõe de um bom leque de funcionalidades além da mera visualização de imagens, das quais saliento a capacidade de gerir e organizar as suas imagens, redimensioná-las, recortá-las , e inclusive, retocá-las com pequenos ajustes de cor, entre muitas outras opções. Consegue por exemplo,  muito facilmente, eliminar os ‘olhos vermelhos’ daquelas fotografias tiradas com flash.

FastStone

FastStone Image Viewer

No modo de visualização em ecrã total, pode ainda facilmente aceder a todos os dados EXIF, entre outras funcionalidades muito úteis, bastando para isso que aproxime o rato das extremidades do seu monitor.

O FastStone Image Viewer suporta ainda uma vasta gama de formatos de ficheiros dos quais se destacam, além de todos os formatos principais, formatos como por exemplo o RAW das câmeras digitais (CRW, CR2, NEF, PEF, RAF, MRW, ORF, SRF, ARW, SR2, RW2 e DNG), cobrindo assim as principais máquinas fotográficas como a Nikon, Pentax, Canon, Sony entre outras.

 

Pesquise sem escrever… é prático!

Quantas já necessitou de pesquisar por imagens semelhantes a uma que viu, ou que possui? Ou melhor.. Quantas vezes já lhe aconteceu de ter uma ou outra fotografia sua, e queria recolher mais informação sobre aquela zona… mas, não possui elementos suficientes para efetuar a pesquisa… Talvez queria apenas saber o nome de alguém na fotografia, ou onde a mesma foi tirada ou quem sabe… o nome de quem a tirou. Pois bem, o gigante Golias, quero dizer… Google também sentiu essa necessidade e desenvolveu uma nova ferramenta no seu motor de busca de imagens: a pesquisa por imagens!

Vale a pena testar o serviço e ver se realmente… uma imagem vale mais que mil palavras!

Related Posts with Thumbnails