Eleições Legislativas: 1995 > Outdoors: PSD

Partido Social Democrata, “MAIS E MELHOR PARA PORTUGAL!

AO LONGO DAS PRÓXIMAS SEMANAS CONVIDO OS SEGUIDORES DESTE BLOGUE A RECORDAREM OS OUTDORS UTILIZADOS NAS ELEIÇÕES LEGISLATIVAS DE 1995
AINDA SE LEMBRAM DOS CANDIDATOS?
NÃO!!!!
ANTÓNIO GUTERRES (PS); FERNANDO NOGUEIRA (PSD); CARLOS CARVALHAS (CDU); MANUEL MONTEIRO (CDS/PP)

Ideias – Jorge Alves da Silva confrontou-se, nas legislativas de 1995, com uma missão ingrata: posicionar um líder que, até aí, havia morado à sombra de Cavaco Silva e que nunca chegara a ter tempo para afirmar ideias próprias, devido ao prolongado «tabu». Era preciso, por isso, fazer passar a sua imagem (o que Guterres podia dispensar nos outdoors), dar-lhe algum carisma (aproveitando o perfil de rigor herdado de Cavaco Silva, ao mesmo tempo que se diferenciava do seu tom sisudo), e apontar uma ideia que, sem poder reclamar peremptoriamente a herança da obra «cavaquista», atraísse o eleitorado até aí apostado na estabilidade e na continuidade. Pecou, talvez, por ressaltar o ponto fraco do candidato: ausência de ideias fortes que este poderia reclamar como suas… No entanto, Jorge Silva, planeou de forma minuciosa o Layout do outdoor.
Assim sendo, o slogan «mais e melhor para Portugal!», foi colocado do lado esquerdo do outdoor para reforçar (na esquerda portuguesa), que o projecto começado por Cavaco Silva ainda não tinha esgotado, e que a verdadeira mudança ainda estava para chegar. A imagem do candidato Fernando Nogueira, surge no lado direito do outdoor sobre o fundo do céu azul para transmitir transparência e serenidade na liderança que estava disposto a assumir.

Related Posts with Thumbnails

  1. Dia 22: Eleição para Conselho Tutelar da cidade de Pirpirituba
    No próximo dia 22 de janeiro à população de Pirpirituba, no Brejo paraibano, vai às urnas para escolher os novos representantes do Conselho Tutelar da cidade. Este ano, 18 candidatos estarão concorrendo a cinco vagas ao cargo de conselheiro. Os novos eleitos terão mandato de três anos à frente do órgão. Durante esse período, eles irão colocar em prática o estatuto dos Direitos da Criança e do Adolescente.
    O voto não é obrigatório, mas o eleitor que desejar votar tem de estar portando no dia da eleição tanto a carteira de identidade como o título eleitoral. Caso contrário, ele ficará impossibilitado de exercer sua cidadania. Uma equipe da prefeitura vai está coordenando os trabalhos e orientando o eleitorado.
    Para facilitar o processo eleitoral, as urnas de lonas vão ser colocadas em quatro lugares da cidade que são considerados estratégicos, como os Grupos Humberto Lucena, Nossa Senhora Aparecida, José Coutinho e o Walfredo Leal. A votação está prevista para começar às 8h e se estenderá até às 17h. A apuração começará logo após. O eleitor só poderá votar em até cinco candidatos. Caso contrário, se ultrapassar esse número o voto será anulado.
    Para se candidatar a membro do Conselho Tutelar foi necessário o interessado dispor dos seguintes requisitos: residir na cidade, ter pelo menos a 4ª série primária completa, experiências com crianças e adolescentes, pelo menos 2 anos; reconhecida a idoneidade moral, idade superior a 21 anos e estar no gozo de seus direitos políticos prescrito no art. 14 da Constituição Federal.
    O Conselho Tutelar foi criado em conjunto com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), instituído pela Lei 8.069 no dia 13 de junho de 1990. O Órgão municipal é responsável em zelar pelos direitos da criança e do adolescente, deve ser estabelecido por lei municipal que determine seu funcionamento tendo em vista os artigos 131 a 140 do ECA.
    O Município de Pirpirituba foi a primeira cidade paraibana a implantar o Conselho Tutelar, em 3 dezembro de 1995. Hoje são dezenas de conselhos espalhados pelas cidades paraibanas.

  1. No trackbacks yet.

Spam protection by WP Captcha-Free

%d bloggers like this: