A nova Nikon D7000 vs D90 vs D300s

Já há algum tempo que se vem falando da eventual sucessora da muito equilibrada Nikon D90. Finalmente surge a nova D7000, mais que uma sucessora legítima, uma verdadeira nova máquina da Nikon. Sinceramente, acredito que com este novo equipamento, a Nikon conseguiu colocar-se novamente na luta com a sua eterna rival Canon.

Acima, encontra-se um dos vários vídeos promocionais existentes relativos a este modelo e, seguidamente uma pequena tabela com um comparativo acerca das principais diferenças entre os modelos com as quais a D7000 pode, a meu ver ser comparado: a D90, agora substituída e a D300s da gama imediatamente a seguir e topo de gama nas DSLRs DX não 35mm (full frame).

Podem ver um comparativo entre este belo modelo e a Canon 7D neste artigo.


Nikon D7000

Nikon D90

Nikon D300S
Material Liga de Magnésio Policarbonato Liga de Magnésio
Sensor • 23.6 x 15.6 mm CMOS• 16.2 mega pixeis• 14-bits • 23.6 x 15.8 mm CMOS• 12.3 mega pixeis• RGB Color Filter Array• 12-bits • 23.6 x 15.8 mm CMOS• 12.3 mega pixeis• RGB Color Filter Array• 14-bits

sensibilidade

iso

• Auto ISO (100-Hi2)• ISO 100-6400 em 0.3 ou 1.0 incrementos EV• H1 e H2 (ISO 12800 e 25600) expansível • Auto ISO (400-H1)• ISO 200-3200 em 0.3 ou 1.0 incrementos EV• L1 (ISO 100) e H1 (ISO 6400) expansível• Adjustable Auto ISO limit • Auto ISO (400-H1)• ISO 200-3200 em 0.3 ou 1.0 incrementos EV• L1 (ISO 100) e H1 (ISO 6400) expansível• Adjustable Auto ISO limit

resolução

vídeo

• 1920 x 1080p (24fps)• 1280 x 720p (30, 25, 24fps)• 640 x 424p (30, 25fps) • 1280 x 720p (24 fps)• 640 x 424p (24 fps)• 320 x 216p (24 fps) • 1280 x 720p (24 fps)• 640 x 424p (24 fps)• 320 x 216p (24 fps)
sensor AF • 39 pontos AF• 9 pontos cruzados • 11 pontos AF• 1 pontos cruzados • 51 pontos AF• 15 pontos cruzados

medição de luz

• Exposição TTL de 2016 pixeis em RGB• Incrementos de: EV 0 – 20 EV • Exposição TTL de 403 pixeis em RGB• Incrementos de: EV 0 – 20 EV • Exposição TTL de 1005 pixeis em RGB• Incrementos de: EV 0 – 20 EV

campo

de visão

• Pentaprisma• 100% cobertura• Ampliação: 0.94x• Distância de visão: 19.5 mm

• Ajuste de diopetria (-3 to +1.0m-1)

• Pentaprisma• 96% cobertura• Ampliação: 0.94x• Distância de visão: 19.5 mm

• Ajuste de diopetria (-2 to +1.0m-1)

• Pentaprisma• 100% cobertura• Ampliação: 0.94x• Distância de visão: 19.5 mm

• Ajuste de diopetria (-2 to +1.0m-1)

número de

disparos

• +/- 6 fps • +/- 4,5 fps • +/- 7 fps• +/- 8 fps se com o Grip de bateria MB-D10
memória • SD/SDHC/SDXC (2 slotes) • SD/SDHC • Compact Flash (tipo I e UDMA) (2 slots SD/CF)
formato (mm) • +/- 132 x 105 x 77mm • +/-132 x 103 x 77 mm • +/- 147 x 114 x 74 mm

peso

c/ bateria

780 gr 704 gr 918 gr

De entre as novas funcionalidades, destacam-se a meu ver os 16,2 megapixels efectivos conseguidos com o seu novo processador DX, o EXPEED 2; e a sua sensibilidade ISO bastante melhorada, agora de 100-6400, extensível até 25600, o que assegura melhores detalhes com menor ruído em situações de luz insuficiente.

O seu visor pentaprisma em vidro tem uma cobertura de enquadramento de aproximadamente 100% e uma ampliação de 0,94x. A sua velocidade de obturação atinge os 1/8000.

Apresenta agora 39 pontos de focagem, sendo 9 sensores de tipo cruzado ao centro, contra os 11 da Nikon D90, juntamente com a capacidade de disparo Contínuo de 6fps, o equivalente à Canon 5D Mark II.

Embora a D7000 disponha de inúmeras melhorias, em relação à gravação vídeo, continua um passo atrás da Canon, se bem que, pode filmar em Full HD 1920x1080p com focagem contínua AF-F e som estéreo com muito boa qualidade. No entanto em relação ao número de frames por segundo, o máximo que a D7000 consegue são uns 24fps contra os 30fps da sua concorrente. Aqui, como disse anteriormente, a Nikon ainda tem de se esmerar um pouco mais.

Juntamente com a D7000, a Nikon está também a lançar o novo flash Speedlight SB-700, bem como uma unidade de alimentação (MB-D11) que permite a comutação contínua da alimentação e incorpora controlos para disparo na vertical. A D7000 é também compatível com a unidade GPS (GP-1) registando desta forma a localização da fotografia no ficheiro de imagem.

Em suma, para quem como eu tem uma Nikon D70 e já algum tempo aguardava algo de realmente novo na Nikon afim de fazer o upgrade necessário… Bem, isto é aquilo que eu aguardava ;). Agora aguardo apenas tê-la na minha mão e partir novamente à descoberta…

fonte: Nikon | DPReview

Related Posts with Thumbnails

    • marcus nunes
    • Jun 6th. 2012 1:03am

    camera mesmo é a D40x 7 anos fotografando eventos e ela ta inteira,hoje tenho a D7000 excelente,agora que venha o full frame e viva a nikon que dá o leite de meus filhos…

  1. No trackbacks yet.

Spam protection by WP Captcha-Free

%d bloggers like this: